Campeonato Nacional de Juniores Pitch & Putt

COM MUITOS CRAQUES E RECORDE DE PARTICIPANTES

O Campeonato Nacional de Jovens de Pitch & Putt, jogado sábado em duas voltas de 18 buracos no campo Aqueduto do Paredes Golfe Clube, registou um recorde de participantes, com 59 jogadores em prova, distribuídos pelos escalões de sub-10, sub-12, sub-14, sub-16, sub-18 e, pela primeira vez, sub-25. 

Estiveram presentes figuras de proa do golfe português. João Girão, do Oporto GC, recém-chegado da University of Louisiana at Monroe (ULM), onde estuda e compete pela equipa dos Warhawks, foi o vencedor na estreia do escalão de sub-25, que contou com seis concorrentes – poucos mas bons. 

O vencedor da Taça da Federação Portuguesa de Golfe de 2015 totalizou o excelente agregado de 99 pancadas (51-48), 9 abaixo do Par (54), para ganhar com cinco shots de vantagem sobre Miguel Valença (53-51), de Paredes. 

O internacional Afonso Girão (irmão gémeo de João), terceiro classificado no último Campeonato Nacional Amador Absoluto AUDI, foi terceiro com 105 (53-52), tantas como a bicampeã nacional amadora absoluta Leonor Bessa (53-52), também campeã nacional absoluta de Pitch & Putt em 2017. Leonor é jogadora do CG Miramar, mas na variante do pitch & putt representa o Paredes GC. 

Em sub-18, com cinco participantes, o título ficou em casa: Diana Pacheco venceu com algum conforto ao somar 108 (Par), com scores de 55-53. Gonçalo Mata, do Oporto, líder após a primeira volta, foi vice-campeão com 113 (53-60). E em terceiro ficou Rodrigo Lopes dos Santos (Citynorte), com 128 (72-56)

Em sub-16 competiram 14 jogadores – e foi sem surpresa que Daniel da Costa Rodrigues, do Citynorte, ficou o título. Aos 15 anos, ele é já um dos melhores amadores portugueses da actualidade. Mesmo assim, teve de se aplicar a fundo para ganhar: somando 106 (52-54), viu o vice-campeão Miguel Azevedo Cardoso (55-53), de Paredes, ficar somente a duas pancadas de distância. Pedro Mendes (Paredes) foi terceiro com 109 (52-57). 

Houve muita emoção nos sub-14, com 12 jogadores em prova. João Iglésias, da Quinta das Lágrimas, foi o campeão 113 (55-58), o que lhe deu a vantagem mínima sobre Ana Costa da Rodrigues (57-57), campeã nacional de sub-12 no golfe convencional em 2017. O seu irmão Afonso da Costa Rodrigues ocupou o terceiro degrau do pódio com 115 (56-59). 

O escalão de sub-12 foi o que teve mais afluência, com 15 jovens, e foi também o único que não ficou decidido nas duas voltas regulamentares. Miguel Pinheiro (56-59) e Tomás Araújo (58-57) terminaram empatados na frente com 115 (+7), e só no terceiro buraco do play-off (jogado sempre no 18) se encontrou o vencedor: Miguel Pinheiro. O terceiro classificado foi Miguel Silveira, da Quinta do Fojo. 

Finalmente, em sub-10 (seis participantes), Gabriel Sardo foi um categórico vencedor, ao totalizar 130 (64-66), ganhando com 15 de vantagem sobre Bernardo Costa (Internacional), que assinalou 145 (74-71). Afonso Barbosa, de Paredes, foi terceiro com 151 (78-73). 

Estes foram os resultados de stroke play, mas o Campeonato Nacional de Jovens de Pitch & Putt também se jogou na modalidade de medal net, com os seguintes vencedores: 

SUB-25 – Afonso Girão (Oporto)

SUB-18 – Rodrigo Lopes dos Santos (Citynorte)

SUB-16 – Pedro Barbosa (Paredes)

SUB-14 – Eduardo Moreira (Paredes)

SUB-12 – Gabriel Barbosa (Paredes)

SUB-10 – Afonso Barbosa (Paredes)

Press-Release
Gabinete de Imprensa da FPG
20 de Maio 2018

Voltar

 


 

Sites


 





 



Revised: 20-05-2018 .